tradutor com bandeiras. Google Translate

sábado, 3 de outubro de 2020

O CORPO DÁ SINAIS SEMANAS ANTES DE UM INFARTO



Apesar de todos os dias pessoas morrerem por causa do infarto, existem muitas que não sabem sequer como acontece um. Este problema ocorre quando as artérias que são responsáveis para levar oxigênio do coração ficam barradas por coágulos de sangue.

Para um infarto, basta 1 dessas artérias ficar comprometida. Na maioria dos casos, é fatal. Os médicos afirmam que um infarto pode ser sentido semanas antes de acontecer. Diversos sinais são dados pelo corpo humano. Confira abaixo quais são eles.

1 - Dores na região torácica

O médico cardiologista Rogério Marra, explica que um dos primeiros sintomas de um possível infarto são as dores nessa região. Elas não se limitam apenas na região torácica, podendo atingir ombros, braços, costas e pescoço.

2 - Sensação de falta de ar

Se sentir desconfortável ao respirar não é um bom sinal em nenhuma circunstância. Pode indicar diversos problemas entre eles problemas respiratórios, porém, também pode sinalizar algo de errado com o coração.

3 - Dores abdominais, problema de ingestão e náusea

Para Marra, estes são os sintomas mais ignorados pela maioria das pessoas que acreditam que a causa é apenas algo que comeu. Porém, o médico ressalta que nessa situação é muito importante realizar o diagnóstico com um profissional.

4 - Tontura

Marra também explica que, algumas semanas antes de um ataque cardíaco, a vítima pode precisar lidar com diversos momentos de tontura. Neste caso, o médico avalia que é preciso evitar pegar no volante. Procurar um hospital para saber o que está acontecendo na parte interna do corpo pode até mesmo salvar a vida de uma possível vítima de infarto.

É válido dizer que, caso seu corpo apresente estes sintomas, é crucial procurar um médico especializado.

Sem comentários:

"OS CIDADÃOS MUÇULMANOS NÃO SÃO PERSEGUIDOS" EM FRANÇA

  O principal interlocutor dos poderes públicos franceses para o Islão, Mohamed Moussaoui, considerou hoje que os muçulmanos em França "...