google.com, pub-4886806822608283, DIRECT, f08c47fec0942fa0

tradutor com bandeiras. Google Translate

quinta-feira, 12 de novembro de 2020

COMPRAM RESULTADOS DE TESTES FALSOS NO MERCADO NEGRO PARA PODER VIAJAR

 



O nĂșmero de casos de coronavĂ­rus estĂĄ a aumentar um pouco por todo o mundo e voltam a endurecer as restriçÔes impostas. Em muitos paĂ­ses Ă© necessĂĄrio apresentar um teste negativo para permitir a entrada de um turista nesse territĂłrio. 

Mas o mercado negro tratou de encontrar uma solução para ultrapassar este entrave. A manipulação de testes negativos jå se verificou em naçÔes como França, Reino Unido e Brasil, adianta o The Washington Post.

Na semana passada, as autoridades francesas intercetaram uma organização que vendia falsos certificados de testes no aeroporto Charles de Gaulle, em Paris. O grupo vendia esses certificados digitais com resultados negativos para a Covid-19 por valores entre os 150 e os 300 euros, refere a Associated Press.

A polĂ­cia francesa acusou o grupo de sete suspeitos de falsificação e fraude. Os certificados falsos estavam guardados nos telemĂłveis dos suspeitos e tinham o nome de um laboratĂłrio de Paris.

JĂĄ no Brasil, a polĂ­cia deteve recentemente quatro viajantes que apresentaram resultados negativos de testes falsos para visitarem a ilha de Fernando de Noronha num jato privado. A ilha reabriu para o turismo no passado dia 10 de outubro e exige aos visitantes que apresentem resultados negativos de testes realizados com um dia de antecedĂȘncia.

TambĂ©m o Reino Unido nĂŁo escapou Ă  prĂĄtica de testes contrafeitos. O jornal Lancashire Telegraph falou com uma pessoa que admitiu ter usado o resultado negativo de um teste feito por um amigo para viajar para fora do territĂłrio britĂąnico. NĂŁo Ă© um caso Ășnico. Outra pessoa afirmou que um agente de viagens ofereceu-lhe um documento falso para poder viajar.

Sem comentĂĄrios:

FUNCIONÁRIO DE ISABEL II ADMITE ROUBO DE OBJETOS DO PALÁCIO DE BUCKINGHAM NO VALOR DE MAIS DE 100 MIL EUROS

Um funcionĂĄrio da  rainha Isabel II  estĂĄ em maus lençóis. ApĂłs ter sido acusado de roubo,  Adamo Canto  declarou-se culpado e admitiu ter r...