google.com, pub-4886806822608283, DIRECT, f08c47fec0942fa0

tradutor com bandeiras. Google Translate

terça-feira, 5 de janeiro de 2021

DADA COMO MORTA NO DOMINGO, ATRIZ TANYA ROBERTS MORREU ESTA TERÇA-FEIRA AOS 65 ANOS


Foi uma morte que, afinal, não o era… mas acabou por ser. Confuso(a)? A atriz Tanya Roberts foi dada como morta no passado domingo, os agentes retificaram a informação, mas a antiga “Bond Girl” acabou mesmo por perder a vida esta terça-feira.

Morreu mais uma “Bond Girl”, uma das mulheres imortalizadas nos filmes de “James Bond” pelos “flirts” com o agente secreto criado por Ian Flemming. Mas a morte de Tanya Roberts, que participou em “007 Alvo em Movimento”, ao lado de Roger Moore, dava ela própria um “filme”.

Os rumores do (alegado) desaparecimento da atriz, de 65 anos, começaram a surgir no passado domingo, depois do seu agente, Mike Pingel, ter garantido que Tanya desmaiara em casa, fora internada num hospital de Los Angeles, nos Estados Unidos, e acabaria por não resistir.

Já esta segunda-feira à tarde, o mesmo agente retificou a informação e garantiu que a atriz estava, afinal, “em estado grave”. Tanya Roberts acabou por morrer ontem (já terça-feira, em Lisboa) depois de o marido, Lance O’Brien a ter visitado. Lance confirmou o óbito ao conhecido “site” norte-americano de celebridades “TMZ”.

Além do filme “007 Alvo em Movimento”, Tanya Roberts ganhou fama em séries, como “Os Anjos de Charlie”, “Barco do Amor” ou “Ilha da Fantasia”.

Sem comentários:

FALTAM 80 MIL TRABALHADORES NA CONSTRUÇÃO

A construção civil continua a viver uma crise de mão de obra. O setor precisa de, pelo menos, 80 mil trabalhadores qualificados, alerta Alba...