Translate

terça-feira, 6 de julho de 2021

APLICAÇÕES PARA PEDIR E LER CERTIFICADOS JÁ ESTÃO NAS "STORES"


Software funciona em iOS ou em Android e pode ser descarregado na Apple, na Google e na Huawei.

Já estão disponíveis para download as apps capazes de validar os certificados digitais covid-19 da UE e também as aplicações de pedido de emissão do certificado. Ambas são gratuitas e podem ser adquiridas nas lojas da Apple, da Google e da Huawei.

No caso da aplicação SNS24, desenvolvida pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, também já disponível nas lojas mencionadas acima, esta permite aos cidadãos obter, consultar e armazenar o seu certificado digital.

Substituindo a antiga MySNS Carteira, a nova app permite ainda acesso a outras funcionalidades, como acedera uma teleconsulta, renovar medicação habitual, consultar a informação no boletim de vacinas, entre outros.

A Imprensa Nacional Casa da Moeda desenvolveu a app de leitura dos certificados (Passe Covid), que permite às entidades que precisem de validar os documentos, nomeadamente companhias aéreas, organizadores de eventos culturais, corporativos, desportivos ou familiares, como casamentos e batizados, possam fazê-lo rapidamente e em qualquer local.

A verificação do certificado na app, após leitura do código QR com a câmara do telemóvel, dá como resposta o sinal verde (validado com êxito) ou vermelho (certificado inválido). A aplicação verifica apenas a validade e autenticidade do certificado, apresentando apenas o nome, data de nascimento e sinal verde ou vermelho, sem armazenar dados pessoais. A app valida os três tipos de certificado (vacinação, recuperação e testagem) emitidos pelos países da UE, mas não partilha dados pessoais com os outros países.

1 comentário:

- R y k @ r d o - disse...

Muito boa informação. O meu aplauso e elogio
.
Saudações amigas
.
Pensamentos e Devaneios Poéticos
.

ISABEL DOS SANTOS AFASTADA DA GALP POR UM TRIBUNAL ARBITRAL DA HOLANDA

Ações que saem da mão de Isabel dos Santos têm um valor que ronda os 700 milhões de dólares. De acordo com um comunicado da Sonangol, o trib...