tradutor com bandeiras. Google Translate

Mostrar mensagens com a etiqueta COVID-19 - VACINA. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta COVID-19 - VACINA. Mostrar todas as mensagens

quarta-feira, 14 de outubro de 2020

SE NÃO QUER, NÃO DESENCORAJE. FACEBOOK VAI PROIBIR ESSAS PUBLICAÇÕES

 


Rede social destaca a "importĂąncia de medidas preventivas na saĂșde" numa altura em que o mundo enfrenta uma pandemia.

O Facebook anunciou esta terça-feira que vai proibir publicaçÔes que desencorajem os utilizadores a serem vacinados, destacando a "importĂąncia de medidas preventivas na saĂșde" numa altura em que o mundo enfrenta a pandemia de covid-19. 

"Mesmo que especialistas em saĂșde pĂșblica considerem que nĂŁo teremos vacinas aprovadas e amplamente disponĂ­veis contra a covid-19 tĂŁo cedo, hĂĄ coisas que as pessoas podem fazer para se manterem, como a toma da vacina contra a gripe sazonal", destacou, em comunicado, a empresa norte-americana.

A rede social jĂĄ tinha banido informaçÔes falsas identificadas por instituiçÔes de saĂșde como a Organização Mundial da SaĂșde (OMS) ou os Centros de Prevenção e Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos.

O Facebook irå continuar a permitir, no entanto, publicaçÔes que sejam contra ou a favor de regulamentos governamentais sobre vacinas.

E anunciou ainda que vai lançar nos Estados Unidos uma campanha de informação sobre a vacina contra a gripe sazonal, para ajudar os utilizadores a vacinarem-se.

As vacinas contra a covid-19 sĂŁo consideradas um elemento-chave para acabar com a pandemia e vĂĄrios laboratĂłrios estĂŁo atualmente a conduzir ensaios clĂ­nicos.

Os Estados Unidos jå pré-encomendaram milhÔes de doses à Pfizer e Moderna, mas também às empresas AstraZeneca, Johnson & Johnson, Novavax e Sanofi, de forma a garantir entregas råpidas da empresa que 'vencer a corrida' à vacina.

As redes sociais sĂŁo regularmente acusadas de permitir o desenvolvimento de movimentos antivacinas.

domingo, 27 de setembro de 2020

500 MIL TUBARÕES PODEM SER MORTOS PARA SER FEITA A VACINA DA COVID-19

 


500 mil tubarĂ”es poderĂŁo ser mortos para o fabrico de vacinas contra a Covid-19. De acordo com a Sky News, os tubarĂ”es produzem um Ăłleo no fĂ­gado, conhecido como esqualeno, que estĂĄ a ser utilizado no desenvolvimento de muitas das vacinas que estĂŁo a ser criadas para combater o coronavĂ­rus

esqualeno jĂĄ Ă© uma substĂąncia a que a medicina e a estĂ©tica recorre hĂĄ algum tempo, sendo que no caso de uma vacina contra vĂ­rus, este ingrediente Ă© especialmente utilizado pois aumenta a eficĂĄcia do tratamento.

Por exemplo, detalha o ĂłrgĂŁo de comunicação britĂąnico, a farmacĂȘutica inglesa GlaxoSmithKline usa atualmente este Ăłleo nas suas vacinas contra a gripe.

Segundo a associação norte-americana Shark Allies, para se obter uma tonelada de esqualeno sĂŁo necessĂĄrios trĂȘs mil tubarĂ”es e para toda a população mundial receber uma dose da vacina contra a Covid-19 serĂĄ necessĂĄrio matar cerca de 250 mil destes animais marinhos. Para duas doses, serĂŁo necessĂĄrios meio milhĂŁo de tubarĂ”es e assim consequentemente.

Para garantir que os tubarĂ”es nĂŁo se tornam numa espĂ©cie em vias de extinção devido a esta vacina, cientistas estĂŁo a testar uma alternativa ao esqualeno, uma versĂŁo sintĂ©tica feita atravĂ©s de uma fermentação da cana de açĂșcar. Contudo, ainda nĂŁo hĂĄ uma solução. 

"HĂĄ tantas dĂșvidas sobre a dimensĂŁo e quanto tempo demorarĂĄ esta pandemia, que se continuarmos a usar tubarĂ”es, o nĂșmero de tubarĂ”es que usaremos para combater este vĂ­rus poderĂĄ ser muito alto, ano apĂłs ano", alertou Stefanie Brendl, fundador e diretor executivo da Shark Allies, recordando que, atualmente, estima-se que trĂȘs milhĂ”es de tubarĂ”es sejam mortos todos os anos devido ao esqualeno.

Posto isto, peritos mostram-se preocupados com o aumento da procura do Ăłleo do fĂ­gado dos tubarĂ”es e teme que a necessidade de esqualeno leve Ă  extinção de algumas espĂ©cies destes animais marinhos, cujo algumas jĂĄ estĂŁo em risco de desaparecer.

quarta-feira, 26 de agosto de 2020

FARMACÊUTICAS PEDEM PROTEÇÃO DE BRUXELAS EM EVENTUAIS RISCOS "INEVITÁVEIS" DAS VACINAS

 



As farmacĂȘuticas estĂŁo a pressionar a UniĂŁo Europeia (UE), para que sejam protegidas de processos em eventuais riscos "inevitĂĄveis", que possam gerar, porque a  produção da vacina contra o coronavirus, estĂĄ a ser muito apressada. 


"A velocidade e a escala do desenvolvimento e dos resultados significa que Ă© impossĂ­vel gerar o mesmo volume de provas subjacentes que normalmente seriam disponibilizadas atravĂ©s de extencivos clĂ­nicos e de cuidados de saĂșde com experiĂȘncia acumulada", pode ler-se em um memorando dos membros da Vaccines Europe. 


O memorando diz para que haja "um sistema compreensivo relativamente a falhas zero e isençÔes em processos civis".

domingo, 26 de julho de 2020

OS PORTUGUESES VÃO PAGAR A VACINA CONTRA A COVID-19




Como todos jå sabemos, quando a vacina para a COVID-19 chegar a portugal, não vai estar no plano nacional de vacinação, logo, serå paga.

Marta Temido anunciou este SĂĄbado na habitual conferĂȘncia de imprensa que:"É ainda precoce estar a avançar com o nĂșmero de doses que poderemos vir a ter no nosso paĂ­s, sobre eventuais preços, ou mais importante, ainda sobre as datas para a sua disponibilização".

ATRASE O RELÓGIO ESTE FIM DE SEMANA

                               JĂĄ notamos que os dias estĂŁo a ficar mais curtos e com menos horas de luz solar. A tempestade BĂĄrbara que est...