google.com, pub-4886806822608283, DIRECT, f08c47fec0942fa0

tradutor com bandeiras. Google Translate

Mostrar mensagens com a etiqueta DGS. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta DGS. Mostrar todas as mensagens

terça-feira, 15 de dezembro de 2020

NATAL SEM PAIS, LONGE DA COZINHA E AO PEQUENO-ALMOÇO


Um Natal sem pais ou avĂłs, longe das cozinhas, porque sĂŁo "locais de alto risco", com a ceia celebrada ao pequeno-almoço ou ao almoço da vĂ©spera. Foram algumas das sugestĂ”es que o subdiretor-geral de SaĂșde, Rui Portugal, deixou, esta terça-feira, para a noite de Natal.

"NĂŁo Ă© obrigatĂłrio que o Natal se comemore neste paĂ­s na ceia de Natal", afirmou, com ĂȘnfase, Rui Portugal, sugerindo: "Pode-se comemorar, por exemplo, num almoço na vĂ©spera de Natal". E deu o exemplo da sua casa, onde um aniversĂĄrio Ă© "sempre festejado ao pequeno-almoço".

Mais. Segundo Rui Portugal, no caso de ocorrerem refeiçÔes durante a quadra festiva, deverĂŁo ser "estendidas a outras divisĂ”es da casa" e a habitação deve ser arejada (oitava recomendação). E se tiverem mesmo que ocorrer visitas, deverĂŁo acontecer sem "os cumprimentos tradicionais" (sĂ©tima recomendação), "com distanciamento" (os dois metros sugeridos pela DGS), com pequena duração e, de preferĂȘncia, no exterior (quarta recomendação).

"Portugal atĂ© tem um clima privilegiado em relação aos restantes paĂ­ses da Europa", sublinhou Rui Portugal, na conferĂȘncia de Imprensa de apresentação do boletim da DGS, que poderĂĄ ter levantado um pouco o vĂ©u em relação Ă s diretrizes para a quadra festiva, que serĂŁo aprovadas no Conselho Ministros de depois de amanhĂŁ.

Familiares por meio digital

Mas como deverĂĄ ser, entĂŁo, a ceia de Natal? DeverĂŁo ser usadas mĂĄscaras durante a refeição? O subdiretor-geral SaĂșde nĂŁo disse, embora o uso de mĂĄscaras seja a nona das dez recomendaçÔes da DGS, junto com a higienização das mĂŁos e a etiqueta respiratĂłria.

Rui Portugal apelou, antes, "Ă  criatividade e ao bom senso" dos portugueses, pediu que nĂŁo sejam partilhados objetos, como talheres ou copos, (dĂ©cima recomendação) e reforçou a recomendação de distanciamento de dois metros.

AlĂ©m disso, o subdiretor-geral de SaĂșde condicionou o Natal Ă s condiçÔes fĂ­sicas das casas e ao concelho de residĂȘncia. Por exemplo, a haver visitas, o nĂșmero deverĂĄ depender do tamanho da habitação.

No entanto, a DGS pede que o Natal seja celebrado apenas pelo "agregado com que se habita" (sexta recomendação). Ou seja, sem pais ou avĂłs que, segundo Rui Portugal, podem juntar-se Ă s celebraçÔes atravĂ©s de "meios digitais, por telefone" ou mediante "visitas rĂĄpidas" (quarta recomendação). "Com uma troca de compota que alguĂ©m fez", acrescentou o subdiretor-geral de SaĂșde, apelando ainda a que se "reduza os contactos entre nĂșcleos familiares" (quinta recomendação).

Entre as dez recomendaçÔes consta tambĂ©m o afastamento fĂ­sico durante a preparação das refeiçÔes (sĂ©tima recomendação). "As cozinhas nesta altura serĂŁo locais de alto risco", vincou Rui Portugal.

A DGS avisa ainda que os portugueses em isolamento devem permanecer nessas condiçÔes, mesmo no Natal (segunda recomendação). E pede que todas as normas sejam cumpridas: as referentes ao concelho, Ă  regiĂŁo e ao paĂ­s (primeira recomendação).

No final, Rui Portugal, desvalorizou as limitaçÔes pedidas aos portugueses para o Natal, lembrando que todas as pessoas jĂĄ tiveram "uma tradição que nĂŁo comemorou", por exemplo, porque precisavam de estudar.



quarta-feira, 2 de dezembro de 2020

GRAÇA FREITAS INFETADA COM COVID-19


A diretora-geral da SaĂșde estĂĄ infetada com covid-19, confirmou a DGS. Marta Temido, Lacerda Sales e Diogo Serras Lopes aguardam resultados.

"A Direção-Geral da SaĂșde informa que a Diretora-Geral da SaĂșde, Graça Freitas, testou ontem positivo para a infeção por SARS-CoV-2, estando neste momento em isolamento", confirmou a autoridade nacional de SaĂșde, em comunicado enviado esta quarta-feira de manhĂŁ, adiantando que a responsĂĄvel apresenta sintomas ligeiras. "O rastreio de contactos pela Autoridade de SaĂșde Regional estĂĄ atualmente em curso, para identificar todas as pessoas potencialmente expostas", indica a nota.

Graça Freitas, uma das principais porta-vozes da evolução da pandemia no paĂ­s, foi testada durante a noite de terça-feira depois de ter tido um contacto com um infetado, avançou o "Expresso", adiantando que, para garantir a mĂĄxima rapidez, o Instituto Dr. Ricardo Jorge manteve uma equipa a trabalhar para garantir a total urgĂȘncia na anĂĄlise.

Contactada pelo JN, fonte oficial do MinistĂ©rio da SaĂșde revelou que a ministra Marta Temido e os secretĂĄrios de Estado AntĂłnio Lacerda Sales e Diogo Serras Lopes foram jĂĄ testados, por terem estado em contacto com a diretora-geral da SaĂșde, aguardando os resultados em casa. De acordo com o Expresso, os governantes foram testados durante a madrugada no seu domicĂ­lio, tendo os respetivos familiares e motoristas realizado tambĂ©m teste Ă  SARS-CoV-2.

A conferĂȘncia de imprensa que estava hoje prevista na sede da Direção-Geral da SaĂșde fica cancelada.

A PARTIR DE HOJE, NÃO PODE COMPRAR ROUPA OU LIVROS NOS SUPERMERCADOS

Para que não haja uma "distorção de mercado", como disse Siza Vieira, os supermercados e hipermercados estão, a partir desta segun...