Translate

Mostrar mensagens com a etiqueta ESPANHA. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta ESPANHA. Mostrar todas as mensagens

segunda-feira, 5 de abril de 2021

POLÍCIA LIBERTA JOVEM QUE ESTAVA PRESA EM CASA HÁ DOIS ANOS PELO MARIDO


A Polícia Nacional espanhola libertou, este domingo, uma jovem de 23 anos que estava a ser mantida presa em casa, há dois anos, pelo próprio marido, em Madrid.

O caso foi denunciado por um amigo da vítima, que deu o alerta aos Serviços de Emergência, relatando que a mulher, natural do Bangladesh, foi vítima de violência de género.

Vários agentes da Polícia Nacional deslocaram-se ao local onde encontraram a jovem, que revelou que estava há dois anos sem sair de casa e que quando o marido, de 27 anos, saía para trabalhar, a deixava fechada à chave.

Os vizinhos confirmaram as alegações da mulher, dado que não a viam há muito tempo.

A vítima alegou, ainda, que o marido a agredia fisicamente, por vezes com facas de cozinha, e ameaçou matá-la. Esta apresentava ferimentos e nódoas negras no corpo.

O homem foi detido e é acusado de detenção ilegal e maus-tratos, conta o El Mundo. A mulher está a receber ajuda dos serviços sociais do espanhóis.

sábado, 3 de abril de 2021

ESCALOU SEM PROTEÇÃO 116 METROS DA FACHADA DE UM HOTEL EM BARCELONA


George King, conhecido como Daredevil, conseguiu escalar sem qualquer sistema de segurança e proteção um dos edifícios mais altos da Europa.

O britânico George King, de 21 anos, voltou a surpreender quando, na sexta-feira, subiu a fachada do hotel Meliá Barcelona Sky. Uma escalada de 116 metros sem qualquer sistema de segurança.

Quem passou na rua e deu conta da façanha assistiu com a respiração em suspenso a cada passo deste jovem escalador livre conhecido como Daredevil. Em apenas 20 minutos chegou ao topo do edifício, considerado um dos mais altos da Europa, segundo o jornal espanhol "La Vanguardia".

Entre os espectadores também estavam agentes da polícia catalã Mossos d'Esquadra que, após a conclusão da escalada, detiveram o jovem britânico por se tratar de uma atividade ilegal punida com multa.

"Quando estava lá em cima senti que estava numa outra dimensão de felicidade", confessou George King à agência Reuters. "Quando me cruzei com a polícia no percurso de descida, a minha cabeça continuava lá em cima nas nuvens", acrescentou.

Nascido em Oxford e atualmente com um estilo de vida nómada a viajar pela Europa numa carrinha, esteve sob custódia cerca de 20 minutos e foi depois libertado sem ser sancionado, segundo informou o seu representante à agência France Presse.

Esta não foi a primeira vez que deu nas vistas em Barcelona: em dezembro passado, George King escalou a Torre Agbar, com 114 metros de altura.

O seu nome começou a ser falado quando escalou o arranha-céus The Shard, em Londres, com 310 metros de altura e o edifício mais alto do Reino Unido. A aventura valeu-se seis meses de detenção num centro para jovens.

sábado, 20 de fevereiro de 2021

CARGA POLICIAL EM PAMPLONA DURANTE MANIFESTAÇÃO DE APOIO A RAPPER HASÉL


Uma manifestação em Pamplona para exigir a libertação do rapper Pablo Hasél resultou, este sábado, numa carga policial, tendo-se também realizado manifestações e registado incidentes em outras cidades espanholas.

Segundo a Polícia Nacional espanhola, citada pela agência Efe, alguns dos manifestantes começaram a insultar os agentes e a atirar-lhes objetos, o que originou cargas antimotim por parte da força de segurança. Durante os protestos também foram queimados caixotes do lixo.

A manifestação que, segundo a Delegação do Governo, contou com a participação de cerca de 800 pessoas, foi convocada pela Gazte Koordinadora Sozialista e partiu às 20 horas locais (19 horas em Portugal continental) da Plaza de Recoletas, em Pamplona.

Em Barcelona, as lojas do Paseo de Gracia, onde se concentram as principais marcas de luxo, foram vandalizadas e saqueadas durante o protesto a pedir a libertação do rapper catalão.

Um grande grupo de manifestantes encapuçados separou-se da manifestação de apoio a Hasél, que reuniu cerca de seis mil pessoas no centro da cidade, e subiu o Paseo de Gracia em direção à avenida Diagonal, causando danos significativos nas lojas da zona.

A destruição verificou-se em todo o Paseo de Gracia, que vai desde a Plaza de Catalunya até à Diagonal, onde manifestantes encapuçados também montaram várias barricadas, queimando contentores, mobiliário urbano e incendiaram as portas do edifício da Bolsa de Barcelona, embora as chamas não tenham afetado o interior do edifício.

No centro de Madrid também se concentraram durante a tarde, pacificamente, mais de uma centena de pessoas, pela segunda vez esta semana, para apoiar o rapper, perante um dispositivo de segurança montado para evitar a repetição dos tumultos de quarta-feira.

Em Santander, cerca de 150 jovens pediram a liberdade do músico, num comício pacífico, sem incidentes.

Em Tarragona registaram-se também distúrbios. Várias pessoas encapuçadas atiraram garrafas à polícia e partiram vidros num tribunal e no edifício de um banco.

sábado, 9 de janeiro de 2021

TEMPESTADE "FILOMENA" PROVOCA O CAOS EM MADRID


Coberta de branco como há muito não se via, Madrid encontra-se completamente paralisada pela tempestade "Filomena". A neve não deixa de cair desde sexta-feira, provocando graves problemas na capital espanhola, que continua sob alerta vermelho.

O transporte é o setor que mais está a sofrer esta crise sem precedentes que tem deixado milhares de motoristas parados nos seus veículos durante a noite. A Unidade Militar de Emergência (UME) teve de ajudar nos trabalhos de resgate das pessoas que se encontravam nas estradas tentando regressar a casa, já que as máquinas limpa-neve não conseguiram limpar as vias cobertas por camadas de até 60 centímetros de espessura. Até agora, 430 estradas principais e 50 secundárias permanecem cortadas.

Enquanto os múltiplos engarrafamentos provocavam o caos na periferia madrilena, o Aeroporto Adolfo Suárez-Barajas suspendeu toda a atividade durante este sábado devido às más condições das pistas e a falta da visibilidade para descolar e aterrar. A maioria dos voos foram desviados para Valência, Barcelona, Alicante ou Sevilha, que vivem por agora uma situação mais calma.

Por outro lado, a companhia ferroviária RENFE decidiu paralisar todas as viagens que tinham Madrid como origem ou destino e as linhas do metro são o único transporte público que continua ativo depois da decisão do presidente da Câmara Municipal, José Luís Martinez-Almeida, de suspender o serviço de autocarros. O autarca dirigiu-se à população madrilena para pedir prevenção e evitar os movimentos desnecessários devido ao grande perigo de andar pelas ruas da capital e pediu mais ajuda ao exército.

"Temos de desbloquear a situação o mais cedo possível. As pessoas não devem sair de casa porque os ramos das árvores estão a cair com o peso da neve", explicou Almeida, que também fechou parques e instalações desportivas e culturais até a segunda-feira.

As previsões meteorológicas alertam que a situação não vai melhorar rapidamente com temperaturas que podem atingir os 11 graus negativos durante os primeiros dias da próxima semana. Para evitar novos problemas, a presidente da região, Isabel Díaz Ayuso, decidiu suspender as aulas das universidades e escolas até à próxima quarta-feira. Além da capital, outras nove províncias espanholas estão sob alerta vermelho devido à neve: Albacete, Cuenca, Toledo, Guadalajara, Valência, Castellón, Tarragona, Teruel e Saragoça.

Jogos adiados

O futebol espanhol tampouco consegue fugir da tempestade de neve que já provocou o adiamento de três jogos na Primeira e Segunda Divisão. O Atlético de Madrid não poderá jogar a partida desta tarde contra o Athletic Club devido à impossibilidade da equipa basca de aterrar na capital. O jogo entre o Osasuna e o Real Madrid também está em risco pela neve caída no relvado do estádio do El Sadar. O plantel de Zinedine Zidane teve muitos problemas para chegar a Navarra, já que passou quatro horas no aeroporto para poder descolar. No segundo escalão, o Rayo Vallecano, que enfrentava o Mirandés, ficou preso nos engarrafamentos da periferia de Madrid e voltou para casa depois de cinco horas na estrada, nas quais só conseguiu avançar 20 quilómetros. Também não se vai jogar o Alcorcón-Albacete.

terça-feira, 5 de janeiro de 2021

EX-FUNCIONÁRIO DA MERCEDES DESTRÓI MAIS DE 50 VIATURAS COM RETROESCAVADORA


Depois de ter sido despedido da empresa de construção onde trabalhava, no País Basco, um homem provocou danos no local com uma retroescavadora, que usou ainda para invadir uma fábrica da Mercedes, de onde também tinha sido despedido anos antes. Aí, destruiu cerca de 50 viaturas.

No último dia de 2020, um homem de 38 anos ​​​​​​​invadiu a fábrica da Mercedes no município basco de Vitoria-Gasteiz, onde, com recurso a uma retroescavadora furtada anteriormente, destruiu cerca de 50 carrinhas que ali estavam estacionadas. O móbil dos atos foi vingança, diz a imprensa regional: o indivíduo terá ficado ressentido desde que, em 2017, foi despedido pela fabricante automóvel alemã.

Segundo os jornais "El Correo" e "Periodismo del Motor", o homem tinha agora acabado de ser despedido de outra empresa, esta ligada ao ramo da construção, em Legutiano. Terá sido lá que arranjou a retroescavadora, com a qual provocou vários estragos tanto na construtora, como na fábrica da Mercedes, como no percurso de 20 quilómetros que percorreu para chegar de um ponto ao outro.

Ao chegar à fábrica, o homem derrubou o muro e a vedação do parque de estacionamento e, a partir daí, varreu tudo o que encontrou pela frente. Um vídeo que captou o momento mostra que várias viaturas abalroadas ficaram severamente amolgadas e algumas acabaram até por ser arremessadas contra outras. O ataque só terminou quando um elemento da equipa de segurança do edifício disparou um tiro de aviso e alertou as autoridades.

O homem foi detido pela Polícia antes de cumprir o objetivo de chegar à linha de montagem, o que teria obrigado a Mercedes a suspender a produção até que a linha voltasse a estar operacional. Enfrenta acusações de destruição de propriedade pública e privada.

A Mercedes não se pronunciou sobre o incidente, que não causou vítimas.


domingo, 27 de setembro de 2020

MAIS DE 50.000 LITROS DE VINHO DERRAMADOS EM ESPANHA (VIDEO)

                                   

O rebentamento de um depósito em uma quinta vinícola em Albacete, Espanha, provocou o derramamento de mais de 50.000 litros de vinho. Os funcionários nada poderam fazer para evitar tal prejuízo.




EXTRADITADO PARA CABO VERDE HOMEM QUE MATOU AGENTE DA PSP EM 2005 NA AMADORA

O cidadão cabo-verdiano cumpriu em Portugal 17 dos 23 anos de prisão a que tinha sido condenado pelo homicídio de Irineu Diniz. O homem que ...