Translate

Mostrar mensagens com a etiqueta MUNDO. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta MUNDO. Mostrar todas as mensagens

domingo, 18 de julho de 2021

SOBE PARA 190 NÚMERO DE MORTOS EM INUNDAÇÕES NA ALEMANHA E NA BÉLGICA


Pelo menos 190 pessoas morreram na sequência das inundações e enxurradas que afetaram durante a semana a Alemanha e a Bélgica, segundo novos balanços oficiais, com as autoridades belgas a anunciarem o fim das operações de salvamento.

No dia em que recebeu a visita da chanceler alemã, Angela Merkel, a região da Renânia-Palatinado (sudoeste da Alemanha), uma das mais afetadas pelas inundações, confirmou a morte de 112 pessoas, num total nacional de 159 vítimas mortais.

Durante a visita, a líder alemã, que classificou a devastação visível na zona como "surreal", prometeu que "o Governo federal e as regiões vão agir em conjunto para restabelecer gradualmente a ordem" nas áreas afetadas.

As autoridades belgas também atualizaram o número de vítimas mortais registadas no país, que são agora 31. O anterior balanço dava conta de 27 mortos no território belga.

O centro belga de crise informou ainda que "163 cidadãos estão dados como desaparecidos", um aumento em relação aos 103 desaparecidos contabilizados no sábado.

"O perigo já não é iminente nas áreas afetadas. As operações de salvamento terminaram, mas as operações de busca ainda estão em curso em várias áreas", informou o centro belga de crise.

"O importante trabalho de limpeza e a estimativa dos danos materiais estão agora no centro das preocupações", disse a mesma fonte.

As autoridades belgas estão a incentivar as pessoas que ainda não conseguiram estabelecer contacto com os seus familiares a informarem a polícia o mais rápido possível.

"Se não teve notícias de um familiar, apelamos que entre em contacto com as unidades locais da polícia que estão a reunir as informações sobre as pessoas desaparecidas", indicaram as autoridades.

Apesar do nível das águas ter vindo a diminuir nos últimos dias após as inundações, ainda existem áreas em alerta no território belga, como é o caso de Valónia, região francófona no sul da Bélgica.

Nesta região fica a cidade de Pepinster, onde cerca de mil pessoas tiveram de deixar as respetivas casas.

Em Valónia, o nível das águas do rio Mehaigne e dos seus afluentes nas províncias de Liège e de Namur continuam a preocupar as autoridades, que permanecem em estado de alerta.

Cerca de 37 mil casas permanecem sem eletricidade nas províncias de Liège e de Brabante Valão.

Também existem relatos de estradas e de casas que ainda estão submersas em algumas zonas do país.

Além da Bélgica e da Alemanha, as fortes chuvas e as consequentes cheias causaram graves danos materiais nos Países Baixos, no Luxemburgo e na Suíça.

FILHA DE EMBAIXADOR AFEGÃO FOI RAPTADA E TORTURADA NO PAQUISTÃO


A filha do embaixador afegão no Paquistão foi raptada e torturada, durante várias horas, por um grupo não identificado, sendo posteriormente libertada, divulgou, este sábado, o Ministério dos Negócios Estrangeiros do Afeganistão.

Segundo a agência AFP, na sequência deste incidente o Ministério dos Negócios Estrangeiros do Afeganistão instou o Governo do Paquistão, através do embaixador do país em Cabul, a "tomar medidas imediatas para identificar e punir" os responsáveis por este crime e garantir a "segurança total aos diplomatas afegãos e às suas famílias".

Este incidente ocorre numa altura em que as relações diplomáticas entre os vizinhos Afeganistão e Paquistão se têm tornado mais tensas.

O Governo afegão tem acusado o paquistanês de apoiar os grupos de talibãs que lideram uma insurreição islâmica desde que foram expulsos do poder no Afeganistão, no final de 2001, por uma coligação internacional, liderada pelos Estados Unidos.

Nos últimos dois meses, os rebeldes lançaram uma ofensiva contra as forças afegãs, o que lhes permitiu reconquistar território nas zonas rurais.

A tensão entre os dois países tem aumentando nos últimos dias, com o vice-presidente afegão, Amrullah Saleh, a utilizar as redes sociais para acusar o Governo paquistanês de ter dado apoio aéreo aos talibãs, acusação negada pelo Paquistão.

quinta-feira, 8 de julho de 2021

VIDEO: PRIMEIRO-MINISTRO ESPANHOL INTERROMPE DISCURSO POR CAUSA DE AVIÃO RUSSO


O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, teve de sair de emergência da base militar da NATO na Lituânia depois de o evento ter sido interrompido pela Força Aérea Russa, segundo o “El Mundo”.

O alarme soou quando o presidente lituano, Gitanas Nauseda, estava a discursar. A aeronave russa não identificada, obrigou dois caças Eurofighter a partir para intercetá-la e identificá-la. Até ao momento sabe-se que o avião sobrevoou o Mar Báltico, mas sem se identificar e sem qualquer comunicação prévia com as torres de controlo civil.

O “El Mundo” adianta também que o evento foi visto como uma ação habitual da aviação russa e que podem existir outra aeronaves.

Depois do sucedido, o evento foi retomado, sem que se saiba de onde descolou o avião russo. As forças de Espanha estão a monitorizar o espaço aéreo de três repúblicas balcânicas que precisam de aeronaves de combate nas bases aéreas.

No regresso, Sánchez prosseguiu com o seu discurso tendo destacado a importância da presença espanhola na defesa da segurança de todos os membros da Aliança Atlântica.

O primeiro-ministro da Espanha está em digressão pelas repúblicas bálticas e aproveitou esta manhã para se deslocar à base da Aliança Atlântica em Šiauliai (Lituânia), onde estão 134 militares espanhóis.

A interferência russa acontece no mesmo dia em que a “Telemadrid” avançou que a base de dados que contém todos os dados dos vacinados de Madrid ficou aberta ao público durante algumas horas devido a uma falha informática e como tal os dados pessoais de Pedro Sánchez e do rei de Espanha foram expostos. 

segunda-feira, 5 de julho de 2021

PARTIDA DAS TROPAS NORTE-AMERICANAS DA BASE AFEGÃ DE BAGRAM MERGULHA ZONA NO CAOS


Último grupo de forças norte-americanas abandonou a base na noite de 2 de julho sem aviso prévio.

A partida das tropas norte-americanas da base aérea de Bagram, o maior reduto militar das forças internacionais no Afeganistão, mergulhou a zona no caos, provocando mal-estar entre os afegãos sobre o impacto da retirada.

Segundo fontes ouvidas pela agência noticiosa Efe, Bagram, localizada a cerca de 70 quilómetros de Cabul, foi abandonada pelo último grupo de forças norte-americanas pouco depois da meia-noite de sexta-feira, em plena escuridão e sem aviso prévio.

"Descobrimos na sexta-feira de manhã, por volta das 06:00, porque não nos informaram sobre a partida do último grupo", disse à Efe um oficial de segurança afegão, transferido para a base aérea de Bagram.

"Pelo menos poderiam ter-nos feito o favor de nos informar sobre a partida do seu último homem", afirmou.

Quando as forças afegãs entraram pela manhã, a base tinha sido invadida por habitantes locais, que saltaram os muros, saquearam as instalações e tentaram derrubar as paredes, para remover veículos do interior.

"Quando nos demos conta, apressámo-nos a entrar na base para impedir o saque, detivemos cerca de 70 pessoas, outros fugiram", relatou.

As forças da coligação começaram a retirar 2.500 soldados norte-americanos e 7.000 da NATO do Afeganistão em 01 de maio, após quase 20 anos de guerra.

Antes disso, as tropas italianas e alemãs nas províncias de Herat e Balkh também deixaram as suas bases, sem anunciarem a sua retirada.

"Eles invadiram o Afeganistão sem o consentimento dos afegãos e agora partiram sem coordenação com as nossas forças de segurança. Isto é a prova de como são apáticos e indiferentes ao nosso povo e ao nosso país", disse Ibrahim, um lojista de 28 anos que vende sucata perto da base.

Até agora, Bagram podia ser vista à distância como uma cidade brilhante, e mesmo as aldeias circundantes cintilavam com as luzes da base.

"Hoje, todas as grandes luzes estão apagadas, a área parece um cemitério, os americanos deixaram um cemitério, não uma base aérea", lamentou.

A grande fortaleza albergou até 100.000 forças de coligação no seu auge, e foi a partir daí que a maior parte das operações aéreas e ataques de contra insurgência foram conduzidos nas duas décadas de guerra.

A base foi equipada com tecnologia de guerra moderna pelas forças norte-americanas, e apesar dos constantes ataques de foguetes e morteiros dos talibãs, ninguém se sentiu inseguro no seu interior, graças ao complexo sistema de defesa.

Bagram abriga ainda uma prisão controversa onde centenas de combatentes talibãs se encontram detidos há anos.

Agora, "cada hangar e quarto dentro da base está escuro como um túmulo, não há eletricidade, não sabemos onde ligar ou desligar os geradores de eletricidade", disse outro oficial de segurança à Efe.

Cada torre de vigia tem portas protegidas por senha, que não terá sido transmitida, impedindo o acesso. "Os nossos soldados não puderam usar essas portas para subir às torres de vigia", explicou.

Os afegãos devem agora gerir a base com equipamento básico, porque os norte-americanos, disse, "tiraram todos os sistemas defensivos e de vigilância e equipamento moderno, que estavam a utilizar para a segurança da base".

A retirada dos EUA da base estratégica de Bagram também tem efeitos negativos na segurança e na vida quotidiana dos cidadãos em redor da base e das aldeias próximas.

Os residentes temem a eventual chegada dos talibãs ao território.

"Não sabemos o que fazer depois disto, devemos deixar o país ou não? Porque a situação do Governo também não é boa", disse Rashid.

A retirada das forças dos EUA e da NATO coincide com um aumento dos ataques dos talibãs, que desde 01 de maio capturaram mais de 80 centros distritais e estão a perseguir várias capitais de província.

domingo, 4 de julho de 2021

ONZE PESSOAS MORREM EM FUNERAL DEPOIS DE BEBEREM VINHO DE ARROZ


Onze pessoas morreram depois de terem bebido vinho de arroz durante um funeral no Camboja. A polícia suspeita que a bebida seria tóxica, e alerta que têm morrido várias pessoas na sequência do consumo de álcool que não está em condições.

Nos últimos dois meses são já mais de 30 as pessoas que morreram em três casos diferentes relacionados com o consumo de vinho de arroz, que contém metanol, um líquido altamente tóxico que pode causar desde cegueira até à morte.

O funeral realizado na sexta-feira em Kampot, 21 pessoas foram identificadas com este caso. Onze morreram e outras dez estão hospitalizadas.

As vítimas sofreram tonturas depois de beberem", referiu um oficial da polícia à agência AFP, adiantando que foram recolhidas amostras para análise.

O vinho de arroz caseiro é uma bebida popular nas zonas mais rurais do Camboja, sendo muito utilizado para eventos como casamentos, festas ou funerais, uma vez que é uma alternativa mais barata às outras bebidas.

Apesar disso, existe pouca fiscalização e controlo na produção desta bebida, o que até já levou o governo a apelar à população que evite beber vinho de arroz caseiro.

sábado, 3 de julho de 2021

VIDEO: "OLHO DE FOGO". EXTINTO INCÊNDIO QUE DEFLAGROU NO MEIO DO MAR DO GOLFO DO MÉXICO


O incêndio que deflagrou no Golfo do México, na superfície das águas do Atlântico, já está extinto.

Foi descrito como um "olho de fogo".

No Twitter, a empresa petrolífera mexicana explicou que houve uma rutura num gasoduto submarino e que a fuga de gás já está controlada.

No vídeo, é possível ver que as chamas estiveram a cerca de 150 metros de uma plataforma petrolífera.

Não há relato de feridos e o incidente vai ser investigado pela empresa mexicana.


sábado, 26 de junho de 2021

SONDAGEM DÁ VITÓRIA A LULA DA SILVA NA PRIMEIRA VOLTA DAS PRESIDENCIAIS


Com a anulação das condenações, Lula da Silva recuperou os direitos políticos e poderá disputar as eleições presidenciais de 2022

O ex-presidente brasileiro Luís Inácio Lula da Silva aparece com mais do que o dobro das intenções de voto (49%) do que o atual Presidente do país, Jair Bolsonaro (23%), informa esta sexta-feira uma sondagem do Instituto Ipec sobre as presidenciais de 2022.

O levantamento indicou que Lula da Silva tem 11 pontos percentuais a mais do que a soma de todos os seus possíveis adversários.

Além dos dois principais nomes, o ex-governador e candidato nas últimas presidenciais Ciro Gomes aparece com 7% das inteções de voto, empatado tecnicamente com o atual governador de São Paulo, João Doria, que tem 5%.

O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta aparece com 3% das citações, enquanto brancos e nulos somam 10%. Os eleitores que não sabem ou não respondem somam outros 3%. A margem de erro desta sondagem do Ipec é de dois pontos.

O instituto ouviu 2.002 pessoas em 141 municípios entre os dias 17 e 21 de junho.

O mau desempenho de Bolsonaro reflecte críticas da população sobre a condução da pandemia de covid-19 e os problemas económicos que o país enfrenta, que baixaram a avaliação do governante mais de 10%.

Com o avanço das investigações e depoimentos na Comissão parlamentar de Inquérito (CPI) da covid-19, que investiga no Senado as ações e possíveis omissões das autoridades na pandemia, a reprovação de Bolsonaro subiu 10 pontos percentuais em quatro meses, passando de 39% em fevereiro para 49% em junho, segundo outro levantamento feito pelo Ipec, divulgado na quinta-feira.

A aprovação do chefe de Estado brasileiro caiu de 28% para 24% na mesma sondagem e base de comparação.

Já Lula da Silva tem visto sua popularidade retornar e se fortaleceu como candidato depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu anular duas condenações que pesavam contra si de casos julgados ou instruídos pelo ex-juiz Sérgio Moro, na Operação Lava Jato.

O magistrado foi considerado suspeito para julgar Lula da Silva e os processo e investigações contra o ex-presidente realizados por ele voltaram a estaca zero e foram transferidos para a primeira instância de Brasília.

terça-feira, 22 de junho de 2021

SUL-AFRICANA QUE DIZ TER DADO À LUZ 10 BEBÉS FOI INTERNADA NUMA INSTITUIÇÃO PSIQUIÁTRICA


As autoridades já abriram um inquérito ao caso.

A sul-africana que garante ter dado à luz 10 bebés foi internada numa instituição psiquiátrica. A mulher de 37 anos foi abordada pela polícia, na passada quinta-feira, na casa de um familiar perto de Joanesburgo.

A mulher não era vista desde o anúncio, no início de junho, de que tinha dado à luz 10 bebés. O caso gerou controvérsia depois do companheiro ter vindo a público revelar que não acreditava que os bebés existiam.

"Tebogo confirmou que não viu os 10 bebés e que acreditou na namorada quando esta lhe ligou para o informar sobre o seu nascimento. Ele tentou várias vezes visitar a namorada e os bebés, mas ela não revelou onde estava, nem a condição dos filhos", citava o sul-africano EWN News.

Entretanto, as autoridades abriram um inquérito à situação, tendo já descoberto que nenhum hospital da região tem registo do nascimento de 10 bebés nas suas instalações. Segundo o Independent, na avaliação médica que recebeu na admissão psiquiátrica, também não foram encontrados sinais de uma gravidez ou de cicatrizes que pudessem indicar uma cesariana recente.

Ainda assim, o grupo de comunicação social que avançou com a história na passada semana continua a afirmar que esta não é uma notícia falsa, mas sim "um encobrimento feito pelas autoridades de saúde de Gauteng, que tomou proporções gigantescas".

quinta-feira, 17 de junho de 2021

LANÇADA PRIMEIRA MISSÃO TRIPULADA PARA CONSTRUIR ESTAÇÃO ESPACIAL CHINESA


Três taikonautas vão passar três meses no primeiro módulo da estação Tiangong, Palácio Celestial.

A primeira missão tripulada enviada pela China para a sua estação espacial em construção partiu hoje, do noroeste do país, com três astronautas a bordo.

O foguetão Longa Marcha 2F partiu à hora prevista, 09:22 (02:22 em Lisboa) do Centro de lançamento espacial de Jiuquan, no deserto de Gobi (noroeste), de acordo com as imagens transmitidas em direto pela televisão estatal CGTN.

Os três taikonautas da Agência Espacial Chinesa, Nie Haisheng, Liu Boming e Tang Hongbo vão passar três meses no primeiro módulo da estação Tiangong [Palácio Celestial], que deverá estar concluída em 2022 e ter uma vida útil de pelo menos dez anos no espaço.

Centro de controlo e habitação dos astronautas, este primeiro módulo foi colocado na órbita terrestre, entre 350 e 390 quilómetros de altitude, em abril.

TRIPULAÇÃO CHINESA VAI REALIZAR EXPERIÊNCIAS CIENTÍFICAS E CAMINHADAS ESPACIAIS

A tripulação chinesa, composta por três astronautas, deve permanecer por três meses no módulo residencial da estação espacial da China, para realizar experiências científicas, trabalhos de manutenção, caminhadas espaciais e preparar a instalação de dois módulos adicionais.

Embora a China admita que chegou tarde à corrida das estações espaciais, o país assegura que as suas instalações são de ponta e podem durar mais que a Estação Espacial Internacional, que está a chegar ao fim do seu período útil.

O lançamento na quinta-feira também relança o programa espacial tripulado da China após um hiato de cinco anos.

Com o lançamento de hoje, a China aumenta para 14 o número de astronautas que lançou para o espaço, desde que alcançou o feito pela primeira vez, em 2003, tornando-se o terceiro país a fazê-lo, depois da antiga União Soviética e dos Estados Unidos.

À medida que a economia chinesa começou a ganhar força, no início dos anos 1990, a China formulou um plano para a exploração espacial, que executou numa cadência constante e cautelosa.

Embora o país tenha sido impedido de participar na Estação Espacial Internacional, principalmente devido às objeções dos EUA, que apontam a natureza opaca do programa chinês e as suas estreitas ligações às Forças Armadas, a China avançou com a construção da sua própria estação, visando alcançar o estatuto de potência espacial.

Na quarta-feira, o diretor-assistente da Agência Espacial Tripulada da China, Ji Qiming, disse aos jornalistas, no centro de lançamento de Jiuquan, que a construção e operação da estação espacial elevarão as tecnologias da China e "acumularão experiências úteis para todas as pessoas".

O programa espacial é parte de um esforço geral para colocar a China no caminho para missões ainda mais ambiciosas e fornecer oportunidades de cooperação com a Rússia e outros países, principalmente europeus, juntamente com o Escritório das Nações Unidas para Assuntos do Espaço Sideral.

O programa espacial da China tem sido grande fonte de orgulho nacional, ilustrando a ascensão desde a pobreza à segunda maior economia do mundo, nas últimas quatro décadas.

Isto reforçou a legitimidade do Partido Comunista Chinês, cujo governo autoritário e limites à atividade política foram tolerados pela maioria dos chineses enquanto a economia crescia.

O Presidente chinês e secretário-geral do Partido, Xi Jinping, associou-se a este sucesso. Nos seus comentários, Ji citou o líder chinês como o arquiteto da ascensão da China à proeminência no espaço.

A ida dos tripulantes para a estação espacial também coincide com a comemoração do centenário do Partido Comunista, no próximo mês, um marco político importante.

A China está a modernizar as suas forças armadas, suscitando preocupações entre os vizinhos, os EUA e os aliados da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte).

Enquanto a China defende o desenvolvimento pacífico do espaço com base na igualdade e respeito mútuo, muitos lembram que o país, em janeiro de 2007, enviou um míssil balístico para o espaço para destruir um satélite meteorológico inativo, criando um campo de destroços que continua a ser uma ameaça.

O comandante da missão Nie Haisheng, 56 anos, e os astronautas Liu Boming, 54 anos, e Tang Hongbo, 45, são ex-pilotos da Força Aérea do Exército de Libertação Popular, com sólida formação científica.

Todos os astronautas chineses foram recrutados, até à data, entre as Forças Armadas, o que ressalta a sua estreita ligação com o programa espacial.

Para Nie esta é a terceira viagem ao espaço, e para Liu a segunda, após uma missão realizada em 2008 que incluiu a primeira caminhada espacial da China. Tang está a voar para o espaço pela primeira vez.

As futuras missões à estação incluirão mulheres, de acordo com as autoridades, com estadias estendidas por até seis meses e até seis astronautas na estação por vez durante as trocas de tripulação.

Com a China a intensificar a cooperação e os intercâmbios internacionais, é apenas uma questão de tempo até que os astronautas estrangeiros se juntem aos colegas chineses em missões à estação, disse Ji aos jornalistas.

AS AMBIÇÕES ESPACIAIS DA CHINA

Nos últimos 17 anos, a China tem apostado no programa espacial para se tornar numa potência mundial na próxima década, a par dos Estados Unidos e da Rússia.

A China enviou no ano passado uma sonda para Marte que entrou na órbita do planeta vermelho em fevereiro deste ano, está a construir a sua própria estação espacial e quer enviar os seus próprios astronautas até à Lua para onde já lançou com uma sonda com sucesso que pousou no lado oculto da Lua.


Maqueta da Tiangong - Palácio Celestial

terça-feira, 15 de junho de 2021

CHINA ENVIA 28 JATOS DE COMBATE EM DIREÇÃO A TAIWAN


A China enviou esta terça-feira um recorde de 28 caças em direção a Taiwan, na maior demonstração de força desde que Pequim começou a enviar aviões quase diariamente, no ano passado, disse o ministério da Defesa da ilha.

A força aérea de Taiwan desdobrou as suas forças de patrulha aérea de combate em resposta e monitorizou a situação na parte sudoeste da zona de identificação de defesa aérea da ilha, disse o ministério da Defesa Nacional de Taiwan.

Entre os aviões estavam vários tipos de jatos de combate, incluindo 14 aviões J-16 e seis J-11, bem como bombardeiros, disse o ministério.

A demonstração de força da China ocorre depois de líderes dos países do G7 terem emitido uma declaração, no domingo passado, a apelar a uma resolução pacífica para as questões do Estreito de Taiwan e a destacarem a importância da paz e estabilidade na região.

O porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros da China, Zhao Lijian, disse esta terça-feira que o G7 está deliberadamente a "interferir nos assuntos internos da China".

"A determinação da China em salvaguardar a soberania nacional, a segurança e os seus interesses de desenvolvimento é inabalável", afirmou.

China e Taiwan vivem como dois territórios autónomos desde 1949, altura em que o antigo governo nacionalista chinês se refugiou na ilha, após a derrota na guerra civil frente aos comunistas.

Taiwan, formalmente chamada República da China, tornou-se, entretanto, numa democracia com uma forte sociedade civil, mas Pequim considera a ilha parte do seu território e ameaça a reunificação pela força.

Desde a eleição da Presidente Tsai Ing-wen, em 2016, a China aumentou a pressão diplomática e militar sobre o governo taiwanês, devido à sua recusa em concordar que a ilha faz parte do território chinês.

A grande maioria dos taiwaneses rejeita a união política com a China sob a estrutura "um país, dois sistemas", usada para Macau e Hong Kong.

segunda-feira, 14 de junho de 2021

VIDEO: MÃE FAZ-SE PASSAR PELA FILHA DE 13 ANOS PARA MOSTRAR FALHAS DE SEGURANÇA NA ESCOLA


Pintou o cabelo, colocou uns óculos grandes e vestiu-se como uma rapariga de 13 anos. A mãe de uma jovem que frequenta o 7.º ano fez-se passar pela filha e foi para a escola. O objetivo era denunciar as falhas de segurança que existem nas escolas públicas dos Estados Unidos.

Para Casey Garcia, tratou-se de uma “experiência social”: entrou na escola dando apenas número de identificação da filha e frequentou várias aulas durante o dia. Nos vídeos que foi gravando ao longo do dia, Garcia que usava uma máscara de proteção contra a covid-19 mostra as interações que teve nos corredores, durante as aulas e, até com o diretor da escola.

Os professores trataram-na como se fosse a sua filha e os colegas deram-lhe indicações para encontrar as salas de aula certas.

Pela hora e almoço, ainda ninguém tinha identificado que a estudante que respondia por Julie nome da filha era, na verdade, a mãe.

Acabou por ser identificada durante a última aula do dia. À CNN, Casey Garcia conta que o professor pediu para lhe falar no final da aula, lhe disse que ela não era Julie e a encaminhou para o gabinete do diretor.

“Eu fiquei porque ninguém se apercebeu que eu lá estava. Esse é o problema”, afirma Garcia.

Dias depois, a polícia foi a casa da mulher para a deter. Foi acusada dos crimes de invasão de propriedade e adulteração de registos governamentais.

O momento foi também gravado e partilhado nas redes sociais.

A direção da escola, situada perto da cidade de El Pazo, no estado norte-americano do Texas, emitiu uma nota a informar a comunidade escolar de que “houve uma quebra na segurança” do estabelecimento.

“Quero garantir-vos que a nossas medidas de segurança estão a ser revistas e avaliadas”, pode ainda ler-se na nota citada pela CNN.

Segundo os advogados de Casey Garcia, a “experiência social” mostrou que “qualquer Tom, Dick ou Harry pode entrar numa escola pública e passar o dia todo sem ser detetado”.


sexta-feira, 11 de junho de 2021

AVIÕES RUSSOS TERÃO INVADIDO ESPAÇO AÉREO DINAMARQUÊS


Dinamarca já condenou violação do espaço aéreo por dois aviões russos.

O Governo da Dinamarca condenou esta sexta-feira a violação do espaço aéreo do país por dois aviões russos e convocou o embaixador da Rússia devido a este incidente, classificado como preocupante pelo ministro da Defesa dinamarquês.

O Ministério da Defesa indicou, segundo a agência noticiosa Ritzau, que dois aviões de combate da Força Aérea dinamarquesa foram enviados ao seu encontro para impedir a incursão.

"É completamente inaceitável que aviões russos violem o espaço aéreo dinamarquês duas vezes num dia", escreveu o ministro dos Negócios Estrangeiros, Jeppe Kofod, na rede social Twitter.

De acordo com o chefe da diplomacia, o facto de esta violação do espaço aéreo da Dinamarca ter acontecido duas vezes fá-la parecer "uma ação deliberada".

"Estamos ainda a analisar os pormenores, mas já tomei a iniciativa de convocar o embaixador russo para uma reunião no Ministério dos Negócios Estrangeiros", acrescentou.

As incursões ocorreram sobre a ilha dinamarquesa de Bornholm, no mar Báltico, ao sul da Suécia.

"É muito raro assistir-se a este tipo de violação do espaço aéreo dinamarquês, pelo que duas no mesmo dia devem ser consideradas preocupantes", declarou o ministro da Defesa, Trine Bramsen, citado pela agência Ritzau.

quarta-feira, 9 de junho de 2021

SUL-AFRICANA DÁ À LUZ 10 BEBÉS DE UMA SÓ VEZ


Uma mulher da África do Sul deu à luz 10 bebés de uma só vez na segunda-feira e pode quebrar o recorde mundial, estabelecido em maio, em Marrocos, por uma mãe que teve nove filhos.

Gosiame Thamara Sithole, que já era mãe de gémeos, pensava que teria "apenas" oito filhos. Mas foi surpreendida quando deu à luz, no Hospital de Pretória, e percebeu que afinal eram 10 bebés.

"São sete meninos e três meninas", disse o pai, Teboho Tsotetsi, ao jornal sul-africano Pretoria News, adiantando ainda que o parto aconteceu "às sete semanas e sete dias da gravidez".

A mulher de 37 anos revelou que a gravidez foi natural e que não recebeu qualquer tipo de tratamento de fertilidade, normalmente associados a partos de múltiplos bebés.

O recorde anterior pertencia a Halima Cisse, que teve nove bebés, em maio, em Mália.

"O Guinness World Records tem conhecimento de que Gosiame Thamara Sithole deu à luz 10 gémeos", confirmou uma porta-voz da organização ao The Post. "Neste momento, ainda temos de verificar este recorde, mas a saúda da mãe e dos bebés é a prioridade."

O APELO DA MÃE

Dois dias após o parto, a mulher fez um apelo para receber ajuda. Gosiame confessou que não consegue responder às exigências financeiras e emocionais.

Em entrevista ao Pretoria News, a mãe sul-africana, que trabalhava numa loja, admitiu que não vai conseguir regressar ao trabalho. O salário não iria nem cobrir a despesa de contratar pessoas para cuidar das crianças.

O marido está desempregado.

Gosiame revelou que gastou todas as suas poupanças, depois de tirar uma licença sem vencimento aos dois meses de gravidez.

"Estava doente. Deixei o meu trabalho cedo e decidi ficar em casa porque não conseguia lidar (com a situação). Decidi parar mais cedo que o esperado porque o meu corpo já não aguentava mais."

segunda-feira, 7 de junho de 2021

PESCADORES ENCONTRARAM UMA FORTUNA NO INTESTINO DE UM CACHALOTE


Da noite para o dia, 35 pescadores do Iémen conseguiram sair da pobreza.

Um grupo de pescadores do Iémen fez uma descoberta que mudou as suas vidas.

Encontraram o cadáver de um cachalote cheio de âmbar-cinzento no intestino, uma substância rara que pode valer centenas de milhares de dólares porque é muito valiosa para a indústria da perfumaria, que a utiliza para preservar os aromas.

Os pescadores receberam 1,5 milhões de dólares (1,23 milhões de euros), quantia inimaginável para muitas pessoas no Iémen, um país atolado na pobreza e na guerra.

"Fiquei muito feliz. São sentimentos maravilhosos que não consigo descrever. Dou graças a Deus por isso", disse um dos pescadores à BBC. "Encontrar âmbar-cinzento de baleia é verdadeiro tesouro".

O âmbar-cinzento é produzido no intestino dos cachalotes, um mamífero marinho semelhante às baleias, mas de outra família de cetáceos. É uma substância sólida, cerosa e inflamável de cor cinzenta.

Como afirmam o Museu de história Natural de Londres e o National Geographic, a substância é um verdadeiro "tesouro do mar" porque é muito raro e muito valioso para a indústria dos perfumes.

Os 35 pescadores venderam o pedaço de 127 kg de âmbar-cinzento a um comprador dos Emirados Árabes Unidos por 1,23 milhões de euros e dividiram os lucros e doaram parte do dinheiro a famílias pobres da sua comunidade, , segundo a BBC.

“O cheiro não era muito bom, mas valia muito dinheiro”, disse um dos pescadores à BBC.

                                          Âmbar-cinzento   

domingo, 6 de junho de 2021

FRANÇA VOLTA A SER LIVRE PARA TODOS


A França vai abrir totalmente as suas fronteiras para residentes da União Europeia (UE) já a partir desta quarta-feira, 9 de junho.

Apenas os viajantes vacinados provenientes da Grã-Bretanha e dos Estados Unidos precisarão de um teste de covid negativo para entrar no país. Quem for cidadão da UE está dispensado de tal formalidade se tiver a vacinação completa.

As medidas fazem parte dos planos de França para começar a facilitar os controlos de fronteira e ajudar a indústria do turismo.

“Temos que conciliar a liberdade de mobilidade com a necessidade de segurança”, reforçou o ministro do Turismo, Jean-Baptiste Lemoyne, em declarações à estação de televisão BFM. “Nada seria pior do que entrar em mais uma onda de covid porque não fomos cuidadosos o suficiente”, alertou.

A notícia da reabertura das fronteiras é um alívio para o setor de turismo, que teme que os testes de coronavírus, gratuitos em França mas que podem custar 100 euros ou mais noutros países, possam dissuadir os visitantes estrangeiros.

A partir de 1 de julho, a França reconhecerá o passaporte sanitário europeu, que comprova a inoculação contra o coronavírus e permite viagens dentro da UE.

Recentemente, Paris anunciou que pretende implementar o uso do documento antes mesmo dos restantes parceiros da União Europeia.

Para pessoas não vacinadas que vêm de zonas laranja, apenas viagens essenciais, como emergências médicas ou familiares, serão permitidas, disse o Governo francês.

Os viajantes desses países precisarão fornecer testes de covid-19 negativos, vacinados ou não, e deverão ficar em quarentena de sete a dez dias à chegada a França.

CIDADÃO ESPANHOL E FILHA DE 6 ANOS MORRERAM APÓS QUEDA DO 17.º ANDAR DE HOTEL EM SÃO PAULO

Um cidadão espanhol, procurado pela Interpol, e a filha de 6 anos morreram após terem caído do 17.º andar de um hotel onde estavam hospedados em São Paulo, revelaram este sábado as autoridades brasileiras. O homem terá saltado com a filha ao colo.

Segundo a polícia militar da cidade paulista, o homem, de 53 anos, deixou uma carta escrita em espanhol no seu quarto, na qual pediu "desculpas" pelo incidente e que estendeu "ao hotel" pelos "danos" que poderiam ser causados.

"Não tenho ninguém com quem a deixar que me dê um mínimo de segurança e paz de espírito", escreveu o cidadão espanhol sobre a filha, numa carta à qual os meios de comunicação brasileiros tiveram acesso, e em que acrescentou um lamento: "Isto não teria acontecido no meu país, com a minha família ao meu lado".

De acordo com as autoridades, o quarto de hotel que ocupavam estava "em ordem" e sem quaisquer sinais de violência.

A Polícia Militar de São Paulo ainda não especificou desde quando o homem e a menina estavam no Brasil ou qual o alegado crime para o qual a sua captura tinha sido solicitada à Interpol.

terça-feira, 1 de junho de 2021

PROFESSORES VÃO DAR AULAS DE SAIA EM SOLIDARIEDADE COM ALUNO EXPULSO


Movimento começou quando um professor de Matemática decidiu vestir uma saia em nome da igualdade de género.

Em Espanha, há professores e alunos que estão a ir para a escola de saia, em solidariedade com um rapaz que foi expulso, em novembro do ano passado, por usar precisamente uma saia, conta o NY Post.

O movimento começou, ainda em novembro, quando o professor de Matemática Jose Piñas decidiu vestir uma saia em nome da igualdade de género, depois de um dos seus alunos ter sido expulso e aconselhado a ir a um psicólogo.

"Roupas Não Têm Género" é o mote usado pelos protagonistas desta manifestação de apoio.

Nas redes sociais, este professor deixou ainda uma mensagem onde conta que, quando era aluno, naquela mesma instituição, também sofreu perseguições por causa da orientação sexual.

Outros professores também se juntaram à causa. Numa escola em Valladolid, foi decretado que o mês de maio era o mês para se usar saia todos os dias.

"Uma escola que educa com respeito, diversidade, coeducação e tolerância. Vistam-se como quiserem! Nós juntamo-nos à campanha 'Roupas Não Têm Género'", disse um dos professores da escola de Valladolid em abril.

Através desta corrente, foi criado um movimento nacional em Espanha com o foco principal na tolerância. Desde aí, a escola que expulsou o aluno já implementou uma disciplina sobre a igualdade de género.

domingo, 23 de maio de 2021

PELO MENOS 8 MORTOS E 2 FERIDOS GRAVES NA QUEDA DE UM TELEFÉRICO EM ITÁLIA


Segundo a agência noticiosa italiana Ansa, um cabo partido está na origem do acidente.

A queda, hoje, de uma cabina de teleférico causou oito mortos e dois feridos graves em Stresa, estação balnear do Piemonte nas margens do lago Maior, no norte de Itália, disse um porta-voz dos serviços de emergência.

"O balanço provisório é de oito mortos e dois feridos que foram transportados de urgência para o hospital pediátrico Regina Margherita de Turim", precisou Walter Milan em declarações à agência France Presse.

O teleférico caiu perto do cume da linha Stressa-Mottarone e estava muito alto, indicou Milan ao canal italiano SkyTG24.

Segundo a agência noticiosa italiana Ansa, um cabo partido está na origem do acidente, na parte mais alta do percurso. A cabina transportava 11 pessoas.

O teleférico liga em 20 minutos a localidade de Stesa ao monte Mottarone, que culmina a quase 1.500 metros e oferece vistas espetaculares dos Alpes.

sexta-feira, 21 de maio de 2021

EL SALVADOR: CADÁVERES DE 24 PESSOAS ENCONTRADOS EM QUINTAL DE EX-POLÍCIA


As autoridades acreditam estar perante uma rede secreta de homicídios que atua há uma década.

As autoridades de El Salvador encontraram os restos mortais de pelo menos 24 pessoas enterrados no quintal de um antigo polícia. Esta descoberta poder revelar uma rede secreta de homicídios que opera há mais de uma década. Pensa-se que a maior parte das vítimas serão do sexo feminino.

Hugo Ernesto Osorio Chávez é um ex-polícia de 51 anos e o proprietário da casa. Foi detido em Chalchuapa, este mês, depois de ter matado uma mulher de 57 anos e a sua filha de 26. Segundo avança a BBC, o antigo polícia já tinha sido investigado por crimes de cariz sexual, confessando ter matado um casal.

A descoberta aconteceu durante as buscas feitas ao domicílio do ex-polícia: as autoridades de medicina forense encontraram inicialmente sete poços onde estavam corpos das vítimas, alguns já enterrados há, pelo menos, dois anos.

No quintal poderão estar os cadáveres de perto de 40 vítimas, incluindo crianças do sexo feminino entre os dois e os nove anos. A exumação dos cadáveres pode demorar mais um mês.

El Salvador apresenta uma taxa de feminicídio mais alta da América Latina. Em 2019 foram mortas 111 mulheres, um número que reduziu ligeiramente no ano seguinte para 70. No entanto, durante a pandemia a violência contra as mulheres aumentou na América Latina.

As autoridades acreditam estar perante o caso uma rede de homicídios que poderá estar em atividade há uma década. 10 pessoas incluindo antigos soldados e contrabandistas foram indiciadas pelos crimes, avança a La Prensa.

O diretor da polícia nacional de El Salvador, Maurício Arriaza Chicas, disse à Associated Press que o antigo agente explicou como escolhia as vítimas: “Ele disse-nos que encontrava as vítimas nas redes sociais e procurou-as, atraindo-as com o (ideal do) sonho americano”.

Dezenas de cidadãos de El Salvador acreditam que podem vir a encontrar entre os corpos os seus familiares desaparecidos.

PILOTO ESPANHOL DE 14 ANOS MORRE APÓS SER ATROPELADO EM CORRIDA

Hugo Millán, de 14 anos, morreu este domingo após ter sido atropelado por um adversário na sequência de uma queda sofrida durante uma corrid...