Translate

Mostrar mensagens com a etiqueta TURQUIA-GRECIA-TERRAMOTO. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta TURQUIA-GRECIA-TERRAMOTO. Mostrar todas as mensagens

quarta-feira, 4 de novembro de 2020

TERMINADAS AS BUSCAS POR SOBREVIVENTES DO SISMO NA TURQUIA QUE FEZ 116 MORTOS

 


O número de mortos no terramoto que ocorreu no Mar Egeu na semana passada subiu esta quarta-feira para 116, no dia em que as equipas de resgate na cidade turca de Izmir concluíram as buscas nos prédios que desabaram.

Quase todas as mortes causadas pelo terramoto, exceto duas, ocorreram em Izmir, a terceira maior cidade da Turquia. Dois jovens morreram na ilha grega de Samos, que fica ao sul do epicentro do sismo, que atingiu esta região do Mar Egeu na sexta-feira.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) registou a magnitude do terremoto em 7,0, embora outras agências tenham registado como menos severo.

Mehmet Gulluoglu, responsável pela Departamento de Gestão de Desastres e Emergências da Turquia, disse que as operações de busca e resgate foram concluídas em 17 edifícios que caíram em Izmir.

A operação de resgate ocorreu desde sexta-feira, tendo sido retiradas 107 sobreviventes dos escombros. Das 1.035 pessoas feridas no terremoto, 137 permaneceram hospitalizadas, acrescentou a agência.

O ânimo das equipas de resgate aumentou na terça-feira, quando retiraram uma menina de 3 anos dos destroços da casa de sua família, 91 horas após o terremoto.

Os tremores foram sentidos em todo o oeste da Turquia, incluindo Istambul, bem como na capital grega, Atenas. Seguiram-se cerca de 1.700 tremores secundários, 45 dos quais foram de magnitude superior a 4,0.

Em Izmir, o sismo reduziu prédios a escombros ou provocou enormes danos. As autoridades detiveram nove pessoas, incluindo construtores, para interrogatório sobre o desabamento de seis edifícios.

A Turquia tem uma mistura de edifícios antigos e novos, feitos de construção barata ou ilegal, sem grande resistência a sismos. O país fica entre duas grandes falhas geológicas, fazendo com que sismos sejam frequentes.

domingo, 1 de novembro de 2020

NÚMERO DE MORTES NA GRÉCIA E TURQUIA SOBE PARA 41

 


O número de vítimas mortais de um sismo na Turquia e na Grécia subiu para 41 e as autoridades temem que exista uma centena de pessoas sob os escombros.

Há quase 900 feridos, indicaram as autoridades turcas em novo balanço.

Na cidade turca de Izmir, que foi atingida pelo terramoto, morreram pelo menos 39 pessoas e outras duas na Grécia. O terramoto no Mar Egeu, entre a costa turca e a ilha grega de Samos, provocou também o desmoronamento de edifícios e inundações.

As duas vítimas na Grécia eram adolescentes que morreram na ilha de Samos, a apenas uma dúzia de quilómetros do epicentro do terramoto de 6,8 de magnitude, que atingiu o Mar Egeu na sexta-feira.

Na Turquia, os números de mortos e feridos são provisórios, porque o trabalho de salvamento ainda continua em Izmir, onde bombeiros municipais e equipas de resgate salvaram 103 feridos presos nos escombros.

O sismo, que foi sentido em Istambul e Atenas e causou um pequeno 'tsunami', ocorreu pouco antes das 12h00 (hora de Lisboa) no Mar Egeu, a sudoeste de Izmir.

A magnitude do sismo foi avaliada em 7 na escala de Richter pelo Serviço Geológico dos Estados Unidos e em 6,8 pelo centro sismológico turco Kandilli.

sexta-feira, 30 de outubro de 2020

(VIDEO) TURQUIA E GRECIA ABALADAS POR FORTE SISMO SEGUIDO DE "PEQUENO TSUNAMI"

 


Um forte sismo, de magnitude 7 na escala de Richter, abalou a Grécia e a Turquia esta sexta-feira. Segundo as autoridades, o abalo causou um "pequeno tsunami" ao largo da ilha de Samos. Há registo de pelo menos seis mortos e mais de 200 feridos.

O serviço geológico dos Estados Unidos informou no Twitter que o abalo foi registado pelas 11:51, hora local.

Vários edifícios colapsaram em Izmir, na Turquia. Pelo menos seis pessoas morreram, uma afogada, e mais de 200 ficaram feridas, segundo o departamento de gestão de desastres e emergências da Turquia, citado pela agência Reuters.

O autarca de Izmir, Tunc Soyer, afirmou que pelo menos 20 edifícios desabaram. Cerca de 70 pessoas foram resgatadas dos escombros.

Na ilha grega de Samos há registo de grandes inundações.

Nas redes sociais foram partilhadas várias imagens impressionantes.

O sismo ocorreu no arquipélago do Dodecaneso, no sudeste do Mar Egeu, segundo o Centro Sismológico Euro-Mediterrânico.

Segundo o organismo de Gestão de Emergências e Desastres da Turquia, o sismo ocorreu a uma profundidade de 16,5 quilómetros.

Os meios de comunicação turcos relataram que o terramoto foi sentido nas regiões do Egeu e Mármara, onde Istambul está localizada.

CRISTINA FERREIRA ARRASADA DEVIDO À SAÍDA DE ISABEL DA TVI: "A RAINHA DAS CUNHAS"

Cristina Ferreira  está a ser duramente criticada nas redes sociais devido à saída da apresentadora  Isabel Silva  da TVI. Isto porque decid...