Translate

Mostrar mensagens com a etiqueta TVI. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta TVI. Mostrar todas as mensagens

sexta-feira, 16 de julho de 2021

VIDEO: TVI APANHA MINISTRO DO AMBIENTE A 200 KM/H NA A2


Segunda-feira, 5 de julho, 15:30. Este é um dos casos em que as imagens falam por si. Num BMW Série 5 de 2021 seguia o ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, quase a 160 km/h na estrada nacional, com o piso em mau estado, que dá acesso à A2, à saída de Beja.

O limite máximo permitido nesta estrada, por estar fora das localidades, é de 90 km/h. Significa isto que estamos perante uma contraordenação grave, perda de dois pontos na carta de condução e uma coima entre os 120 e os 600 euros.

Mais à frente, e já na auto-estrada, a aceleração é evidente. Primeiro, nos 170, depois nos 190 e, finalmente, o carro que leva o ministro do Ambiente atinge os 200 km/h e assim permanece durante vários quilómetros.

Numa situação normal, esta infração muito grave prevê a perda da carta de condução por um período mínimo de dois meses e máximo de dois anos, a perda de 4 pontos da carta e ainda uma coima entre os 300 e os 1.500 euros.

Só depois de quase uma hora a infringir o código da estrada, e já a 200 km/h, é que o motorista liga as luzes para assinalar marcha de urgência, sem qualquer justificação. Afinal, é apenas um ministro a sair de um evento e a regressar a Lisboa onde já não tinha qualquer agenda. Ou seja, Matos Fernandes não ia em qualquer serviço urgente de interesse público, como prevê a lei para casos excecionais.

Marcou presença num evento para assinalar a reabilitação da Estação de Tratamento de Águas (ETA) do Roxo, em Aljustrel, nessa segunda-feira. O BMW Série 5 deste ano, cuja versão mais básica começa nos 60 mil euros, é conduzido pelo motorista do gabinete do ministro.

Contactado pela TVI, o Matos Fernandes disse que não tem memória de ter andado a 200 km/h na auto-estrada e a 160 na nacional.

Não tenho qualquer memória de os factos relatados terem sucedido. Se forem verdade, não deveriam ter acontecido e nunca deles me apercebi. Reconheço que, por vezes, e com a sinalização de emergência ligada, sei que os limites de velocidade são ultrapassados, apenas por razões de trabalho e para não chegar tarde a compromissos profissionais. Comprometo-me a estar mais atento em situações futuras."

João Pedro Matos Fernandes disse ainda que tem um excelente motorista profissional, que já vem de outros governos.

quarta-feira, 3 de março de 2021

CRISTINA FERREIRA ARRASADA DEVIDO À SAÍDA DE ISABEL DA TVI: "A RAINHA DAS CUNHAS"


Cristina Ferreira está a ser duramente criticada nas redes sociais devido à saída da apresentadora Isabel Silva da TVI. Isto porque decidiu comentar o texto de despedida que Belinha, como é carinhosamente tratada, partilhou na sua conta de Instagram, esta segunda-feira, dia 1, onde agradece todo o carinho recebido e anuncia a sua saída. 

"E é sobretudo pela minha enorme vontade de continuar a crescer, a aprender e a evoluir que hoje encerro um capítulo. Terminou a minha colaboração de prestação de serviços com a TVI e, a partir de hoje, já não estou ligada ao canal. Guardo comigo momentos inesquecíveis e desejo, honestamente, o melhor para esta estação que será sempre especial para mim. A todas as equipas que trabalharam comigo: obrigada por me terem ajudado a crescer. Ao querido público que tanto me acarinha e sempre me acompanhou: um abraço apertado do fundinho deste meu coração! Hoje abro um novo capítulo, com a certeza de que os momentos de transformação pelos quais estou a passar vão tornar a minha vida ainda mais emocionante", afirmou. 

"Eu estou aqui e vou sempre partilhar convosco os projetos da minha vida. Aos que me acompanham através da televisão, deixo-vos a vontade e a certeza de que em breve voltarei aos ecrãs. Tudo tem o seu tempo. E agora é tempo de transformação. Eu estou bem. Estou serena e positiva. E não duvidem que estarei cada vez melhor se vos sentir sempre por perto. Se vos sentir à minha beira. Porque será sempre esse o meu compromisso convosco", rematou. 

De imediato, a comunicadora recebeu diversas mensagens de apoio, no entanto foi a de Cristina que se destacou. "De portas abertas sempre minha Isabel", escreveu na publicação.

As críticas não demoraram a surgir. "Mais uma vítima tua Tininha. A TVI é só para os teus amigos e lambe botas sem graça nenhuma. TVI mudem o nome para TV Cristina é melhor""Fala a rainha das cunhas""Que lata""Já pensou em ser palhaça?""Se fosse a você tinha vergonha de comentar o post" ou "Com tão bons apresentadores que a TVI tem porque repete sempre os mesmos? Está a tornar-se enjoativo", são alguns dos comentários que se podem ler. 

Recorde-se que a ausência de Belinha na festa de aniversário da TVI no passado dia 20 de fevereiro gerou muita especulação. A apresentadora não só não foi à ‘festa’ como não fez qualquer alusão à data nas suas redes sociais. 

Afastamento dos ecrãs provoca 'mau-estar'
Isabel chegou a cortar relações com a atual diretora de Ficção e Entretenimento da TVI há mais de dois anos, ainda antes de esta ter ido para a SIC. Na altura, notava-se um claro desinvestimento na apresentadora, depois de Cristina ter apostado nela como a sua "herdeira" no pequeno ecrã anos antes.

terça-feira, 2 de março de 2021

APRESENTADORA ISABEL SILVA DEIXA A TVI


A apresentadora Isabel Silva deixou a TVI. O anúncio foi feito esta noite pela comunicadora no perfil de Instagram.

Mais um rosto do canal a deixar a TVI: depois de Leonor Poeiras, Jéssica Athayde, Fátima Lopes e, mais recentemente, Dalila Carmo, é a vez de Isabel Silva, a “Belinha”, deixar a TVI.

“Gratidão. 10 anos de TVI”, começou por escrever no perfil de Instagram. Cheguei à TVI no dia 29 de fevereiro de 2011 e agora, em 2021, completei uma década de trabalho onde muito cresci e evolui como comunicadora”, acrescentou Isabel Silva.

“A TVI sempre valorizou e enalteceu aquilo que mais me caracteriza: a minha alegria, espontaneidade e foco no trabalho. Por outro lado, ajudou-me a reforçar aquilo que eu quero fazer para o resto da vida: usar este belo poder, o da comunicação, para informar e democratizar, de uma forma clara, assertiva e leve, conteúdos que acrescentem valor na vida das pessoas. Em boa verdade, a comunicação faz-me sentido se influenciar… pelo bem”.

“Mas mais do que isso, foi com a TVI que descobri o meu entusiasmo e alegria em ser repórter e em ser apresentadora. É esta minha alegria – que eu levo tão a sério – e vontade de ser uma bonita companhia para quem vê o meu trabalho, que me movem e sobretudo, me realizam. Também”, referiu ainda.

“E é sobretudo pela minha enorme vontade de continuar a crescer, a aprender e a evoluir que hoje encerro um capítulo. Terminou a minha colaboração de prestação de serviços com a TVI e, a partir de hoje, já não estou ligada ao canal. Guardo comigo momentos inesquecíveis e desejo, honestamente, o melhor para esta estação que será sempre especial para mim. A todas as equipas que trabalharam comigo: obrigada por me terem ajudado a crescer. Ao querido público que tanto me acarinha e sempre me acompanhou: um abraço apertado do fundinho deste meu coração!”

“Hoje abro um novo capítulo, com a certeza de que os momentos de transformação pelos quais estou a passar vão tornar a minha vida ainda mais emocionante. Eu estou aqui e vou sempre partilhar convosco os projetos da minha vida. Aos que me acompanham através da televisão, deixo-vos a vontade e a certeza de que em breve voltarei aos ecrãs.
Tudo tem o seu tempo. E agora é tempo de transformação”.

“Eu estou bem. Estou serena e positiva. E não duvidem que estarei cada vez melhor se vos sentir sempre por perto. Se vos sentir à minha beira. Porque será sempre esse o meu compromisso convosco”, garantiu Isabel Silva.

quarta-feira, 4 de novembro de 2020

MAIS UMA JORNALISTA QUE ABANDONA A TVI

 


A repórter de investigação está de saída do quarto canal, poucos meses depois de Ana Leal também ter batido com a porta.

Mais uma saída de peso na TVI. Depois de Ana Leal, que saiu em colisão com a antiga direção de Informação, liderada por Sérgio Figueiredo, agora é outra grande repórter, Alexandra Borges, a bater com a porta.

A jornalista tinha a seu cargo os grandes formatos de reportagem do quarto canal, como foi o caso do mais recente “Amor Sem Fim: Um Ano Depois”, que teve um excelente desempenho nas audiências.

“Obrigada por terem estado desse lado! Ontem, a audiência de ‘Amor sem fim: um ano depois’ chegou praticamente a 1 milhão e 200 mil espectadores. Em média, 1 milhão e 66 mil pessoas assistiram a este novo capítulo da história de amor que continua a emocionar o país e que, por ser ‘sem fim’, ainda não acabou!”, escreveu a profissional há uma semana no perfil de Instagram.

Mas, para Alexandra Borges, o “amor” de vários anos com a TVI teve mesmo um fim, apesar de ter muita notoriedade na estação de Queluz de Baixo e denunciar casos de injustiça ou que colocavam a cidadania em causa.

Alexandra Borges já ganhou vários prémios nacionais e internacionais de distinção em jornalismo e, há dois anos, foi distinguida como a personalidade feminina do ano de 2019 na categoria de TV/Informação.

No mesmo ano foi considerada dos três jornalistas mais influentes em Portugal, num estudo realizado pela Omnicom, Cision e Universidade Católica Portuguesa, que analisou a atuação de 45 profissionais do jornalismo com uma ação mais efetiva na sociedade.

VÍDEO: MORRE EM CHOQUE FRONTAL AO CONDUZIR EM CONTRAMÃO

Uma colisão entre dois carros fez um morto e um ferido ligeiro, esta quarta-feira à tarde, no IC2. O acidente ocorreu quando um homem, de 81...